Área do Cliente
Esqueci a senha

Notícias

Indstria tem pior outubro desde 2013, mostra pesquisa da CNI

03/12/2015

Faturamento real do setor apresentou queda de 4% em relação a setembro; índice de emprego também recuou 0,9% no mês

Os principais indicadores da indústria de transformação tiveram o pior mês de outubro desde 2013, de acordo com pesquisa divulgada nesta terça-feira (1°) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). O faturamento real do setor alcançou 111,4 pontos, com queda de 4% em relação a setembro. Em outubro de 2014, o indicador havia ficado em 129,2 pontos e, no mesmo mês de 2013, em 128,3.

Índices de emprego e horas trabalhadas recuaram pelo nono mês consecutivo

Os índices de emprego e horas trabalhadas recuaram 0,9% e 0,7% na comparação com setembro deste ano, atingindo, respectivamente, 102,8 e 90,5 pontos. Ambos caíram pelo nono mês consecutivo e também tiveram o pior resultado para outubro em dois anos. Em outubro de 2014, o indicador do emprego ficou em 114,9 pontos e, em 2013, em 111,5. O índice relativo às horas trabalhadas registrou 108,2 pontos em outubro de 2014 e 102 pontos em igual mês de 2013.

A massa salarial real caiu 1% na passagem de setembro para outubro, marcando 117,9 pontos. Também é o resultado mais fraco desde outubro de 2013. Segundo a CNI, “a retração do emprego e dos salários é resultado da forte queda da atividade industrial”. Os dados são dessazonalizados (ajustados para o período).

A utilização da capacidade instalada também indica a retração da atividade no setor. O indicador ficou em 77,7% em outubro de 2015, inferior aos percentuais de 81% e 82,4% registrados em outubro de 2014 e de 2013. Na comparação com setembro deste ano, o índice ficou praticamente estável, crescendo 0,1 ponto percentual.

[<] Voltar